Imprimir

Como fazer um Plano de Manejo? O caso do Córrego Mato Grande

Ligado .

 

Ecolibra foi responsável pela elaboração do plano da área no Distrito Federal

O Córrego Mato Grande, localizado em São Sebastião, nos arredores de Brasília, dentro do Distrito Federal, recebeu um Plano de Manejo (PM) conforme termo emitido pelo Instituto Brasília Ambiental. A área de 132,00 hectares e perímetro de 9.412,25 metros passou por diagnóstico e contou com uma nova proposta de zoneamento conforme trabalho realizado pela Ecolibra.

Um Plano de Manejo, de acordo com o IBRAM, é um documento técnico que estabelece o zoneamento e as normas que norteiam o seu uso, a partir de objetivos definidos no ato de criação de uma Unidade de Conservação (UC). O PM inclui indica usos da área, manejo dos recursos naturais e implantação das estruturas físicas necessárias à gestão.

Inicialmente, o Plano de Manejo do Córrego Mato Grande tinha um limite de 3 quilômetros ao redor da unidade de conservação e foi elaborado em 18 meses, conforme o edital distrital. Foram oito etapas até o atingimento do objetivo final.



Etapas

Planejamento: realização de reuniões com o IBRAM (Instituto Brasileiro de Mineração) com definição da área de abrangência, ajuste do contrato de trabalho e apresentação do plano de trabalho. Nesta etapa, foi definida a equipe de atuação, como especialistas, e a elaboração dos indicadores de desempenho de cada atividade.

Diagnóstico da situação socioambiental: caracterização da área quanto fatores abióticos (topografia, mapa base), bióticos (mapa de vegetação, revisão de lista de fauna etc) e antrópicos (levantamento da ocupação da terra e ação do homem) visando o conhecimento da dinâmica atual, da disposição de recursos naturais e estágios de degradação

Reuniões abertas: realização de encontros com participação comunitária, com presença virtual e presencial. Além de debate sobre o Plano de Manejo, o grupo realiza oficinas em que utiliza métodos preocupados com o intercâmbio de informações. A análise do contexto geral, assim como o croqui do resultado final, é apresentada.

Definição dos componentes fundamentais da UC: considerada a base do desenvolvimento do plano específico, são formatadas a declaração de propósito, a declaração de significância (o por que o local é especial e importante no contexto global, nacional e regional) e a declaração de recurso e valores fundamentais (listagem de todos os aspectos sociais, ambientais, históricos, culturais, etc)

Definir prioridades da gestão: definição da lista de prioridades entre as necessidades do planejamento e de dados para direcionar os esforços de gestão de equipe da UC em curto e médio prazo, assim como a proposta de mecanismos de ação.

Proposta de zoneamento: estabelecimento e descrição das zonas com as diretrizes e regras de uso detalhadas, com a apresentação do mapa de zoneamento junto da descrição resumida das regras de cada zona.

Programa de manejo: apresentação do plano com prioridades da gestão, propósito e significância – tudo com estimativa de custo e fases de implementação.

Elaboração de resumo executivo: a síntese do Plano de Manejo em si, em linguagem simples, focando nos objetivos e valores do Córrego Mato Grande. O documento contém o resumo do zoneamento e as normas de uso, assim como a minuta da instrução normativa de aprovação do Plano de Manejo.

Conclusão

Planos de Manejo são instrumentos fundamentais para o planejamento de ações futuras visando a sustentabilidade das Unidades de Conservação e áreas do entorno. Desta forma, é possível garantir o uso do território de forma racional e diminuir possíveis conflitos entre as partes envolvidas nos processos de tomada de decisões.

A Ecolibra se orgulha em ser responsável por este importante momento da história desta Unidade de Conservação, bem como em legar a conservação dos serviços ecossistêmicos locais e bem-estar à população.

Trabalhe com quem é especialista

A Ecolibra Engenharia, Projetos e Sustentabilidade realiza projetos que envolvem soluções ambientais, como a elaboração de Plano de Manejo, projetos de Aquicultura, sistemas de gestão ambiental (SGA) e estudos de viabilidade.

Solicite agora o seu orçamento aqui!